Português

Partial discharge testing made easy

01 de Outubro de 2021 | Deteção de fugas

A descarga parcial pode ser perigosa e dispendiosa se não for localizada e detetada antecipadamente. A monitorização da superfície e as descargas nulas são os tipos de DP mais propensos a causar danos no equipamento ou a criar um arco elétrico. Da mesma forma que a imagiologia acústica é utilizada para detetar fugas de ar comprimido e gás através do som, pode ser utilizada para detetar descargas parciais.

Fluke ii910

A descarga parcial emite som no intervalo de frequência ultrassónica. Com uma câmara acústica de alta sensibilidade, como a câmara acústica de precisão Fluke ii910, é possível detetar e localizar com precisão a descarga parcial. A ii910 sobrepõe um mapa de som sobre uma imagem visível, o que simplifica a localização da fonte.

Onde encontrar a descarga parcial

Em geral, a DP ocorre quando existe uma tensão elevada presente e os defeitos de vários tipos resultam numa área de isolamento com tensão elétrica que, eventualmente, avaria. A descarga nula é resultado de uma avaria numa área vazia no isolamento; por sua vez, a monitorização da superfície resulta da contaminação do isolamento e ocorre no exterior do isolamento. Isto pode ocorrer em equipamentos de alta tensão, como sistemas de transmissão ou distribuição, ou em máquinas elétricas de alta tensão, como geradores ou motores.

Uma vez que a descarga parcial danifica o equipamento ao longo do tempo, a dificuldade em determinar a gravidade dos danos é frequente. A inspeção regular com uma câmara acústica de precisão Fluke ii910 torna o processo inicial de deteção e monitorização rápido e fácil. Basta analisar o equipamento, procurando potenciais problemas. Pode ser útil focar-se nos pontos de ligação do sistema, uma vez que estes são os locais mais comuns para a ocorrência de DP.

Não é necessário ter qualquer experiência com imagiologia acústica ou deteção de descargas parciais para utilizar a Fluke ii910.

Utilizar a Fluke ii910 para testes de DP

Etapa 1. Ligar a câmara. Ligue a câmara acústica de precisão Fluke ii910 premindo continuamente o botão de alimentação durante, pelo menos, 2 segundos.

Etapa 2. Visualizar o menu. Para visualizar o menu de ferramentas, toque com o dedo no display. (Toque em qualquer ponto do display fora do menu para o ocultar.)

Etapa 3. Modo de captura. Toque no ícone de modo de captura e selecione.

  • Selecione Image Mode (Modo de imagem), Video Mode (Modo de vídeo) ou PDQ Mode (Modo PDQ).

Etapa 4. Criar uma pasta. Utilize pastas para organizar os seus ficheiros. Os novos ficheiros de capturas são guardados na pasta com o nome apresentado no display. Tem a opção de rever ficheiros pelo nome da pasta ou pelo registo da hora.

  • Toque no nome da pasta apresentado na parte inferior do display. (É apresentada uma lista de nomes de pastas com a opção Create Folder [Criar pasta].)
  • Utilize o teclado para introduzir um novo nome de ficheiro.

Etapa 5. Apontar a câmara. A distância ideal é de 1 a 8 metros (3 a 26 pés). Com uma boa linha de visão, são possíveis distâncias maiores, até 21 metros ou 70 pés.

Etapa 6. Banda de frequência. Utilize a banda de frequência predefinida como ponto de partida.

Fluke ii910

Etapa 7. Detetar e capturar. Independentemente do modo de captura de imagem, o processo é simples. Aponte a câmara para uma área de interesse. Quando a área de interesse apresentar claramente um ponto de som, prima o botão Capture (Capturar).

  • Modo de imagem. Prima o botão Capture (Capturar) para guardar a fotografia estática. Após guardar a imagem, é apresentada uma pequena imagem (miniatura) no ecrã.
    • Toque no ícone da imagem para adicionar notas, notas de fotografia ou etiquetas à imagem. (Pode ser feito posteriormente.)
    • (Nota: O modo de imagem captura uma fotografia estática com uma imagem de som sobreposta e guarda-a no formato .png ou .jpg.)
  • Modo de vídeo. Prima o botão Capture (Capturar) para iniciar a gravação.
    • Prima novamente o botão Capture (Capturar) para interromper a gravação e guardar o vídeo. (Pode ser feito posteriormente.)
    • Toque no ícone do vídeo para adicionar notas, notas de vídeo ou etiquetas ao vídeo.
  • Modo PDQ. Certifique-se de que o som está localizado dentro da área circular apresentada.
    • Prima o botão Capture (Capturar) para iniciar. A câmara captura automaticamente cerca de 1,5 s de dados.

Etapa 8. Transferência de ficheiros. Utilize o cabo USB fornecido para ligar a Fluke ii910 ao PC. (É adicionada uma unidade USB à lista de unidades no seu PC.)

  • Abra a unidade USB adicionada para visualizar as imagens ou os ficheiros de vídeo guardados.
  • Copie os ficheiros que pretende para a unidade local do PC.
  • Quando a transferência estiver concluída, retire a unidade USB do PC.

Etapa 9. Desligar. Prima o botão de alimentação uma vez. Toque em OK no ecrã.

Relatórios de descarga parcial

Assim que todas as imagens e vídeos forem transferidos para o PC, o gerador de relatórios online da câmara acústica de precisão Fluke ii910 permite-lhe criar relatórios abrangentes em minutos. Estes podem ser partilhados com gestores ou outros técnicos de manutenção responsáveis pela resolução dos problemas identificados. Além disso, estes relatórios podem ser referenciados após as correções terem sido efetuadas para verificar a respetiva viabilidade.